"ENSINE O ALUNO A OBSERVAR" (Sir William Osler)

25 de outubro de 2009

Síndrome de Pickwick

Por Daniel Macedo Severo de Lucena
Estudante de Graduação em Medicina da UFPB (X Período); Bolsista de Iniciação Científica (PIBIC/CNPq/UFPB)
A Síndrome de Pickwick (ou síndrome obesidade-hipoventilação) consiste em um quadro de hipersonia durante as horas do dia, letargia, obesidade e baixa amplitude dos movimentos tóraco-abdominais, além de sinais de hipertensão pulmonar. A designação da síndrome em referência a alguns pacientes extremamente obesos que apresentam hipoventilação e a associação de obesidade, sonolência, policitemia e apetite excessivo, ocorreu em homenagem ao persoagem gordo chamado Joe, da obra "Aventuras de Pickwick" (The Pickwick Papers) do escritor inglês Charles Dickens. A obesidade é caracterizada pelo aumento da massa corporal resultante de um maior acúmulo de gordura tissular, resultando em problemas de saúde. Quando a obesidade é grave, acaba por interferir nos movimentos respiratórios, dificultando o trabalho realizado pelos músculos respiratórios. A definição da doença é a de uma hipoventilação alveolar crônica em paciente com o índice de massa corporal maior que 30 kg/m², sem que ele apresente nenhuma doença pulmonar prévia que justifique o distúrbio nas trocas gasosas. Apesar de infrequente, mesmo em obesos mórbidos, o estudo desse quadro é relevante, pois trata-se de um problema reversível com a perda de peso, proporcionando recuperação completa da eficiência das trocas gasosas. Clinicamente, é típica a observação de hipersonolência, com fácies cansada e indiferente, assim como episódios de sono durante uma conversa ou até mesmo durante a alimentação. Em geral, o paciente só descobre ter a doença quando é internado devido a uma insuficiência respiratória aguda associada, muitas vezes, a uma miocardiopatia por hipóxia. Porém, às vezes, mesmo após a internação, o diagnóstico pode não ser estabelecido, passando despercebido devido ao uso exclusivo de oximetria de pulso, a qual não registra a hipercapnia.
Exames complementares podem auxiliar diante da suspeita clínica, entre os quais mencionam-se a gasometria, na qual se verifica uma hipoxemia com hipercapnia, além da radiografia de tórax, que pode revelar derrame pleural e congestão pulmonar, assim como o hemograma, que evidencia policitemia consequente ao quadro de hipoxemia crônica. Referências II CONSENSO BRASILEIRO SOBRE DOENÇA PULMONAR OBSTRUTIVA CRÔNICA. Caracterização da Doença Pulmonar Obstrutiva Crônica (DPOC): Definição, Epidemiologia, Diagnóstico e Estadiamento. J Pneumol, 30 (Supl 5): 1-5, 2004. SILVA, G. Síndrome Obesidade-hipoventilação Pulmonar. Medicina, Ribeirão Preto, 39 (2): 195-204, 2006
Fonte da imagem: Desenho de Thomas Nast para a obra de Charles Dickens "The Pickwick Papers". Capturada em: teachingcases.hematology.org/broudy

Um comentário:

Josue Dos Reis Magalhaes disse...

Eu tive essa síndrome e não sabia fui saber no hospital quando a equipe médica que atendia me falou por caso estava internado preparando para fazer cirurgia do estomago pois era muito obso tive que fazer tratamento da pick wick primeiro por que se não não liberariam a cirurgia que estava esperando se você sofre com a obesidade também proucure um pneumologista faca o exame e descubra antes e faca tratamento. De pick wick